Com salário congelado desde 2020, Educadores de Baixa Grande deve anunciar greve nos próximos dias

Com salário congelado desde 2020, Educadores de Baixa Grande deve anunciar greve nos próximos dias
Em dois anos, o aumento de gastos com educação foi de 59,1%

A educação de Baixa Grande passa por um período difícil, com falta de diálogo entre prefeito e educadores, os estudantes são os mais prejudicados, mais um ano e o gestor não deu o reajuste concedido pelo Governo Federal, com isto o salário dos educadores de Baixa Grande está sem amento desde 2020.

Tudo indica que nos próximo dias a classe vai anunciar greve o que deve prejudicar todo o ano letivo.

Segunda os dados informados pela prefeitura ao Tribunal de Contas dos Municípios – TCM, o aumento de gastos na educação foi de 59,1%. Em 2020 foram investido R$ 16.910.630,53 já em 2022 o investimento foi de R$ 26.919.291,93.Confira em www.tcm.ba.gov.br/municipio-post/baixa-grande 

Além do salário, os educadores cobram melhores condições de trabalho, assim como os salários, boa parte das escolas se encontra inda com a pinturas dada em 2019 e 2020.

www.catureba.com.br
Por: Ediomário Catureba – DRT 8484-BA

Ediomário Catureba | DRT 8484-BA

Comunicador, responsável pelos sites www.catureba.com.br e www.baixagrande.net
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial