Direita foi quem mais elegeu deputados federais negros nas eleições

Direita foi quem mais elegeu deputados federais negros nas eleições
O PL, sigla do presidente Jair Bolsonaro, elegeu 25 dos 135 deputados eleitos deste grupo

Com um viés ideológico totalmente na contramão de discursos ligados à diversidade — geralmente frequentes em manifestações da esquerda — as eleições de 2022 surpreenderam ao trazer partidos de direita como os que mais elegeram candidatos autodeclarados negros — que se identificam como pardos ou pretos — para a Câmara dos Deputados.

Com o maior número de parlamentares eleitos para a próxima legislatura, ao todo 99, o PL, sigla do presidente Jair Bolsonaro, elegeu 25 dos 135 deputados eleitos deste grupo.

Na sequência, o Republicanos, que também se posiciona como um partido de direita, elegeu 20 deputados registrados como negros, e o União Brasil, 17.

Em quarto lugar, o PT — partido à esquerda — teve 16 cadeiras negras conquistadas no Parlamento. Em seguida o PP, outro partido de direita, somaram 15 deputados do grupo.

Os partidos de centro também elegeram deputados autodeclarados negros. O MDB teve oito eleitos, seguido de PSD, com seis, e Podemos, com cinco. Avante e Pros têm dois parlamentares cada, e o Solidariedade, um.

O PDT teve seis cadeiras, seguido de PCdoB, com quatro, PSB e PV, com dois cada, e Rede, com um representante — esses partidos são ligados mais à esquerda.

Fonte: https://ultimosegundo.ig.com.br

Ediomário Catureba | DRT 8484-BA

Comunicador, responsável pelos sites www.catureba.com.br e www.baixagrande.net

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial